sábado, 24 de março de 2012

Voluntariado 16#

Frase do dia: "Andam tantos a comprar apartamentos, para estarem todos mais juntos, quando de manhã nem sequer vão à porta do vizinho dizer bom dia!" (senhora E*)

quarta-feira, 21 de março de 2012

Dia de emoções

Foi um dia simplesmente fenomenal! Dele restou um papel de uma pastilha, com impressões digitais muito especiais.

terça-feira, 20 de março de 2012

Ver para crer

É impressionante como às vezes passamos por um sítio que nos passa completamente ao lado e, ao passarmos a segunda vez, paramos e vemos como a beleza em bruto nos fascina e cativa por completo.

Voluntariado 15#

Mais duas partidas inesperadas...

domingo, 18 de março de 2012

segunda-feira, 12 de março de 2012

Crime que ocultamos

Nós: mãos nos bolsos, triviais, dotados de omnisciência, senhores de verdades absolutas, sem remições, passos largos como quem produz apoteoses a nós próprios quando julgamos que a rua é uma passerel e o asfalto a passadeira vermelha. Passamos a vida a ser parceiros de uma superfície espelhada que nos mostra somente pele, cabelo esvoançante, lábios carnudos, faces rosadas, olhos pintados e roupas bonitas. E não a comida por digerir, as lombrigas do egoísmo, os vírus da presunção, as bactérias da vaidade, o mau caráter. Eles: escravos da doença, cabisbaixos, vis pela face seca, usados e deitados fora, olhar desgastado, inexistência de beleza, falta de consciência, eco de inovações, sombra ignorada, carência de elegância e sentido de moda.
Pomos de lado as rugas que os revestem, enquanto o nosso corpo é revestido de chagas, ignoramos o seu conhecimento a posteriori, quando a nossa inteligência nem o botox supera, afirmamos a sua invalidez e o facto de não produzirem, quando nós somos a metrópole da produção do egoísmo, achamo-los monótonos, mas fazemos uma vénia à mais monótona paisagem de betão em que vivemos, tratamo-los como a mobília do canto da garagem, mas a nossa futilidade é mais cinzenta que o fumo do carro que lá estaciona todos os dias… Tão sátiros que julgamos que uma bengala é motivo de desgraça, que uma camisola fora de moda é vergonha, uma caixa de medicamentos é castigo, cansaço é desassossego, idoso na família é doença… A desagregação do mundo dá-se com a queda deste primeiro bloco!

sexta-feira, 9 de março de 2012

Depois de uma semana mergulhada em matemática e química, aqui estou a pesquisar sobre uma tal de Emmili Pankhurst que ao que parece instituiu o direito de voto na mulher!

quinta-feira, 8 de março de 2012

Mais morta que viva

Depois de 3 horas de exercício físico intensivo, o meu corpo já só reclama uma cama.

Conversas à mesa

Mãe: Sabes, hoje é dia da mulher.
Pai: Ah, pois é...
Mãe: Hoje não cozinho! O que achas?
Pai: Vai-se ali comprar umas pizzas, e assunto arrumado.
Mãe: Olha-me que preguiçoso.
(como os homens se escapam da cozinha!)

Women´s day!

Tumblr_lfpo6mrc6c1qfp2fko1_500_large

terça-feira, 6 de março de 2012

sábado, 3 de março de 2012

Voluntariado 14#

Akhajfecmaau5ry_large
Frase do dia: "Tanta gente sem dinheiro para comer e que vai ver um jogo de futebol!" (senhor M*)