sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

O Homem de hoje

Tumblr_lvr3rvj3qp1qc6h32o1_500_large
Acordo de manhã. Foco-me, como todas as manhãs, no meu ser, na minha altivez. O meu primeiro olhar do dia é para o céu, e mesmo esse é egoísta. Depois avisto a marginal com tamanho orgulho, observo os bons carros que passam com ar competitivo, miro a montra da loja mesmo à frente da minha janela com tamanho desejo por estar repleta de blasers azuis escuros e, por fim, remato o meu olhar para o cartão de crédito, onde o agarro tão estupendamente que mais pareço um louco.
Vesti a camisa cinzenta clara com um ligeiro tom de bordô, as calças pretas de vinco, os sapatos envernizados, o casaco também preto e a gravata branca a tapar-me o coração. Como se alguma coisa houvesse de pura naquele coração! Pus gel no cabelo. Ajeitei o colarinho e olhei-me ao espelho com ar imponente. Saí de casa. Ou porque a minha companhia de todos estes anos não passara de um cigarro mal aceso com o pouco calor da manhã, ou porque continuo exasperante em manter o meu posto na minha profissão. Fui em direção àquela empresa de renome, aquela empresa que me faz passar por grandes superfícies onde as marcas e as novas tendências reinam, por estradas negras do alcatrão e negras de espírito, por avenidas salpicadas pelo fumo cinzento dos carros e pelos vistosos vestidos daquelas que mais se subornam a si mesmas e sempre desviando o olhar a mendigos, que, como lhes chamo, não passam de meras migalhas espalhadas pelo sujo chão das pedras da calçada. Admito. Sou um homem!!

domingo, 25 de dezembro de 2011

My favourite present!

Humm, difícil. Gostei de tudo. Do casaco amarelo, do esticador de cabelo, dos brincos de princesa, dos bombons, do dinheirinho (que faz sempre falta!), dos vídeos que fizémos em família, das carinhas larocas e alegres dos que receberam as prendas que lhes comprei e dos miminhos todos!! Foi uma noite fenomenal. E espero passar o dia oficial de Natal ainda melhor. Bem, vou fazer óó, para amanhã estar fresca para a missa de Natal.

terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Preguicite aguda

Estou neste momento ainda sem tomar o pequeno-almoço e de pijama! Apenas mantida a sonhos e a preguiça. Bom, não é? Que mais posso eu pedir? Ali entre o dia 16 de Dezembro e 2 de Janeiro não pretendo curar-me desta (GRAVE!, ahah) doença.
F18a26892d6a4a645c8da2d82b6e07d1_large

domingo, 18 de dezembro de 2011

Voluntariado 6#

Ontem falou-se de lembranças passadas, de desejos futuros e como sempre, das suas famílias. Beijinhos ao meu grupo. 
Frase do dia: "És tão bonita como uma flor!" (senhor A*)

domingo, 11 de dezembro de 2011

Um dia das férias de Natal

Acordo. Ou porque simplesmente já dormi o suficiente ou porque ouço a televisão excessivamente alta ou porque se discute entre fazer rabanadas ou sonhos. E eu grito: sonhos, sonhos!! E assim acordo logo animada. Visto o avental e toca a fazer receitas de natal. Entretanto vou petiscando e enchendo a barriga (açúcar logo pela manhã, saudável não?). Ainda antes de almoço ocupo-me a dar miminhos aos bichinhos cá de casa e a decorar a minha sala em tons de vermelho (todos os dias acrescento ou altero qualquer coisa). Embrulho prendas, espalho músicas de natal por toda a casa, obrigo a todos os de cá de casa a usar gorrinhos de natal e enfim, implanto rapidamente o espírito natalício. Ao fim do dia, vou fazer uma visitinha ao lar, aprender lições de vida e até receitas antigas (como uma senhora me insiste em ensinar, e eu adoro!). Muitos jogos em família, tipo cluedo e monopolio, muita televisão, tipo casa dos segredos (os malucos, segundo a minha avó), e afins. Bebo um chá bem quente e confortante e acabo por adormecer na sala na companhia da minha gata e das brasas da lareira... Eu suplico pelo natal, meninas e meninos!  

domingo, 4 de dezembro de 2011

Queimar pestanas

Acabado o ensaio de filosofia sobre do aborto lá vou eu navegar em ciclos de vida e tipos de reprodução... -.-