domingo, 10 de junho de 2012

Bairro pobre

Era uma rua comprida, estreita e atulhada de dissabores e agonia em cada porta. Era essa a única calçada com pedras mal cimentadas que seguia as pisadas de um povo trabalhador, que armazenava as lágrimas e o suor de uma vida esmerada, que segurava os antagónicos pontos de vista e que sustentava o vidro estilhaçado das rotinas noturnas. Desde aquela madeira tingida das portas ao surro do sabão das casas abandonadas, desde o ar faminto que pairava no ar às mãos castanhas e estendidas dos mendigos, desde os calos dos pés gretados dos homens às rugas definidas das mulheres campesinas, desde gatos moribundos à espera de um osso seco à ferrugem das maçanetas, desde a bola de farrapos rota e desfeita das crianças às carcaças dos pães podres que lambiam, desde os sorrisos exageradamente amarelos às doenças proliferadas pelos dejetos dos animais, desde a lousa das casas e das sepulturas ao talho da esquina que albergava órgãos carunchosos de animais ao relento, desde o nevoeiro que sobrevoava os telhados repletos de líquenes ao ar taciturno e triste da cara dos que tinham os dias contados. Aqueles árduos engenhos até ao pôr-do-sol, aquelas vidas sem ornamentos, aqueles magros mas saudosos filhos, aquela humildade pura, aquela honestidade sã e aquela garra perene figuravam como feições de uma raça sem preconceitos. As saias compridas e fluidas das mulheres a roçar no chão deslavado das varandas rimava com os ventres afagos prontos a dar à luz novas sombras consumidas por moscas. A água espumante lavava os largos paralelos da estrada, enquanto o escasso perfume a detergentes baratos invadia as lixeiras e dava anos de vida às velharias. E à noite, as luzes dos candeeiros do último século destacavam as sombras dos buracos das camisas rotas de quem por ali passava. Uma vida divorciada de futilidades, artificialismos e artimanhas e que constitui, justamente, um oásis de magnanimidade, onde é o suor que une e cimenta os paralelos do chão que pisamos.

1 comentário:

  1. Olá :)

    Gosto imenso do teu blog!

    Comecei agora um blog onde vendo alguma roupa, visita :)
    http://fashionforsell.blogspot.com/

    beijinho*

    ResponderEliminar

Um comentário vale mais que mil palavras! Thanks :)