domingo, 5 de setembro de 2010

Para quê insistir?

Quando vejo aqueles parzinhos que aparentam ser o par perfeito, o par que não tem defeitos abro a boca e penso: é isto que os torna realmente felizes?
E de seguida reflicto: ou será que a aparência e a popularidade é o que é realmente importante?
Duvido muito que elas vejam neles o papel de príncipe encantado, e vice versa.
As relações caminham para pior, e não são só as pessoas antigas que o dizem! Começo a achar que antes haviam muitas bruxas por aí a cabo!
Existem relações mais abertas mas pontos de vista mais fechados...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Um comentário vale mais que mil palavras! Thanks :)